top of page

MAPA DO 28º GRITO DOS EXCLUÍDOS E EXCLUÍDAS

Haverá manifestações em todos os Estados do Brasil.



REGIÃO SUL:


PARANÁ

Curitiba:

7/9 – Concentração, a partir das 9h00, no Barracão as Comunidade Vila União, Rua Profa Clara Koechler – Tatuquara. A luta pelo direito à moradia será a bandeira central no 28° Grito dos Excluídxs de Curitiba. A Comunidade do Tatuquara é formada por mais de 270 famílias, que ocuparam um terreno abandonado em março de 2021, no auge da pandemia. Participam da atividade preparatória integrantes do MST, do Centro Jesuíta de Cidadania e Assistência Social (Cjsias), do Sindipetro, da Intersindical, da Igreja Anglicana e do Levante Popular da Juventude.


Maringá:

7/9 – Concentração às 14h30, na Praça Raposo Tavares.


Londrina:

7/9 – Café solidário, às 8h00; Concentração, às 9h00, na Praça em frente à Paróquia Santa Cruz (Rua Wilsom Gonçalves Brandão, 535). Às 10h20, Caminhada até a Ocupação Flores do Campo.


Campo Mourão:

17/9 – Fórum de escuta do Grito dos Excluídos e Excluídas, das 13h30 às 17h30, no Salão nobre do Santuário Nossa Senhora Aparecida.


Cianorte:

7/9 – Matriz Santa Rita de Cássia, às 8h00, Jardim Vitória.


Cascavel:

7/9 – Ato simbólico, atrás da Biblioteca Municipal, a partir das 9h00.


SANTA CATARINA

Florianópolis:

7/9 - Arquidiocese de Florianópolis, Momento Celebrativo do Grito, às 17h30, na Comunidade do Alto da Caieira. Às 18h00, Celebração do Grito, na Comunidade Monte Serrat.


Joinville:

7/9 – Roda de Conversa, às 15h00, na Comunidade Santa Dulce dos Pobres/Paróquia Nossa Senhora de Belém, com o tema “Que país queremos construir? Seguida de Celebração da Palavra.


Tubarão:

7/9 – Às 9h30, na Arena Multiuso.


Blumenau:

7/9 - A partir das 8h00, na rua lateral do Teatro Carlos Gomes. O início da caminhada será às 9h00.


Chapecó:


Lages:


São Miguel do Oeste:



RIO GRANDE DO SUL


Porto Alegre e Região Metropolitana:

5/9 – Roda de conversa, com o tema Movimentos sociais e o Grito dos Excluídos! Levante junto de representações dos movimentos sociais, pastorais sociais e historiadores que pesquisam a independência! Local: FACED/UFRGS, às 17h30.


7/9 - Concentração e 1º Grito: Pela democracia (Em frente à Igreja São José do Murialdo);

1ª Parada: Grito pela saúde (Em frente à Unidade de Saúde Santo Alfredo);

2ª Parada: Grito antirracista (Em Frente ao Carrefour);

3ª Parada: Grito pelo direito à água (Em Frente ao Departamento Municipal de Água e Esgotos - Dmae);

4ª Parada: Grito pela educação (Em Frente à Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul - PUCRS);

Encerramento e último Grito: Contra a fome: (Na Praça Francisco Alves).


Pelotas:

7/9 – 9h00, Largo da Bola, junto ao CCS/UFPEL.


Caxias do Sul:



REGIÃO SUDESTE:

REGIÃO SUDESTREGIÃO SUDESTE

ESPÍRITO SANTO


Vitória:

6/9 – Pe Kelder na CNB Vitória, às 10h15.


7/9 - Concentração na Universidade Federal do Espírito Santo, Campus Goiabeiras, no Teatro da UFES, a partir das 8 horas, onde denunciaremos a destruição das políticas educacionais. Às 9 horas, sairemos em caminhada rumo ao prédio da Petrobrás, onde denunciaremos as privatizações no Brasil. Marcha do Grito até a Praça de Gurigica, bairro periférico, com distribuição de alimentos para a comunidade, arrecadados pelo Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST). No local faremos uma mística final e encerraremos a caminhada. O Grito está sendo organizado por mais de 60 entidades: movimentos sociais, sindical, partidos políticos, igrejas e as pastorais sociais da Arquidiocese. Transmissão ao vivo pelo facebook.

O evento se concentrará em Vitória e conseguimos mobilizar moradores de 12 municípios. Nossa previsão de duração é de 8 às 12h.


Diocese de Cachoeiro de Itapemirim:

7/9 - Em caminhada o povo de Deus sairá da Paróquia Nossa Senhora da Consolação, às 15h, em direção à Catedral de São Pedro, onde será celebrada, às 16h, a santa missa presidida pelo bispo diocesano, Dom Luiz Fernando Lisboa, e concelebrada pelos padres da Diocese. A santa missa terá transmissão ao vivo pela Rádio Diocesana FM 95,7.


Marataízes:

7/9 – Saída da Rotatória da Barra, às 09h00. Concentração na Praça do Jardim de Infância.


MINAS GERAIS

Belo Horizonte:

2/9 - Das 17 às 21 horas - Flores no 28° Grito das Excluídas e Excluídos: Oficina para preparar as flores que serão distribuídas na nossa marcha, vamos fazer uma produção coletiva de flores de papel. Local: Galpão Pátria Livre (Rua Pedro Lessa, 435 - Santo André).


7/9 - Concentração: 9h Local: Pça Vaz de Melo (Av. Antônio Carlos com Rua Além Paraíba) - embaixo da passarela da Lagoinha. Encerramento da marcha na Ocupação Pátria Livre na Pedreira Prado Lopes, com intervenções políticas e apresentações culturais. Haverá venda de almoço a preço popular.


Montes Claros:

7/9 – Concentração, às 8h30 na Praça Beato Francisco Cool, do Bairro Maracanã, seguindo para a Cozinha Solidária do Bairro Itatiaia. Durante o ato na praça e marcha acontecerá a mística e apresentações artísticas/culturais será ofertado café e almoço solidário. Os participantes estão sendo chamados a doar um quilo de alimento.


São João Del Rei:

7/9 – Coreto, às 8h30, centro.


Viçosa:

7/9 – 4 Pilastras da UFV, às 8h30; Grito dos Excluídos, 16hs, Bairro Amoras, mesa de partilha e diálogo com a população, distribuição de jornais Brasil de Fato.


Mariana:

7/9 – Centro de Convenções, às 15h00.


Além Paraíba:

7/9 – Praça Presidente Getúlio Vargas, (Carmo), às 13h00.


Lavras:

7/9 – Concentração às 15hs, no Gammon de Baixo e vai até a Praça do Gammon de cima.


Uberaba:

6/9 – Praça Rui Barbosa, 15h00.


Itabira:

6/9 – Rodoviária.


Sete Lagoas:

3/9 – Caminhada da Praça Tiradentes até Praça da Bíblia.


Ouro Preto

7/9 - Praça Tiradentes, 14hs, Ação em defesa da democracia - Bandeirão do Lula, Bandeirona do Brasil, filmagens com drone.


RIO DE JANEIRO


Rio de Janeiro:

7/9 - Concentração 9h. Uruguaiana com Presidente Vargas. Caminhada em direção ao Cais do Valongo em alusão ao racismo estrutural fortalecido com a In-dependência que adiou em 66 anos a abolição da escravidão.

A partir das 15h00, O Samba Brilha!!!! - Tributo ao nosso amigo e parceiro, Ivan Milanez, no Bar Pingo de Ouro, Rua Alcindo Guanabara, 15, Cinelândia.


Feira Livre Independência é o Brasil sem Fome, a partir das 9h00, na Comunidade Morro dos Prazeres, na Quadra da Barreira. O Movimento dos Pequenos Agricultores (MPA) doará 5 toneladas de alimento. A atividade faz parte das ações da Caravana por Soberania Alimentar e Abastecimento Popular em Defesa da Democracia organizada pelo MPA.


Duque de Caixas:

6/9 - Atividades Comunidades Sefras - Ação Social Franciscana.


Nova Friburgo:

7/9 – Ato político e cultural Povo na Rua e na Luta, às 15 horas, na Praça do Paissandu – centro.


SÃO PAULO

São Paulo capital:

7/9 – Café com lanche, na Praça da Sé, das 7h30 às 9h00, para pessoas em situação de rua e Ato “Por Terra, teto, trabalho e democracia! Pão e viver bem!”, às 09h00.


7/9 – Roda de Conversa promovida pelo Coletivo Paulo Freire, Brigada pela Vida e a Sexta Semana Social Brasileira, para debater sobre o Bicentenário da (in) dependência do Brasil e os projetos que estão em disputa no país. Para além do Grito do Ipiranga, o nosso Grito é pela Vida. Local: Rua Barão de Loreto, 184, perto do Museu do Ipiranga, das 14 às 16h00.


Bairro Santo Amaro/Zona Sul:

4/9 - PO de Santo Amaro, na Praça do Jardim Miriam, avenida Cupecê, próximo ao Poupatempo, a partir das 9 horas.


Aparecida:

7/9 – Junto com a 35ª Romaria das Trabalhadoras e Trabalhadores. Concentração às 06h00, na Praça Nossa Senhora Aparecida, em frente à Basílica história (velha); mística, seguida de caminhada pelas ruas da cidade, com cartazes, cantos e falas, até o Santuário de Nossa Senhora Aparecida, onde haverá missa às 09h00, transmitida ao vivo pela TV Aparecida. O lema da Romaria é: “Mãe Negra Aparecida, rezamos e lutamos em defesa da vida”. (Organização da Romaria: Pastoral Operária Nacional/São Paulo/Rio de Janeiro/Minas Gerais/Espírito Santo, e SPM - Serviço Pastoral dos Migrantes).


Baixada Santista

Santos:

3/9 - A partir das 10h, Diálogo e Panfletagem na Feira da Zona Noroeste no Jardim Castelo.


4/9 – Pré-Grito: às 14 horas, Roda de Conversa com o tema “Tá tudo caro! A luta das mulheres por justiça social”, apresentação da nova direção do Núcleo de Liderança de Mulheres da ZN. Local: Instituto Arte no Dique (Av Brigadeiro Faria Lima, 1349, Rádio Clube.


7/9 - Grito na Baixada na Zona Noroeste em Santos, concentração no sambódromo. Encerraremos o Grito com um ato inter-religioso.


São Vicente:

6/9 – Pré-Grito Panfletagem na Av. Cap.Mor Aguiar, às 9h00.


Itupeva:

7/9 – Diocese de Jundiaí. Às 10h, celebração do Grito na Igreja Santo Antônio, presidida pelo bispo diocesano Dom Arnaldo Carvalheiro Neto. No final da celebração, haverá manifestação em frente à igreja, através da Fila do Povo, para os manifestantes.


Americana:

7/9 - Celebração ecumênica e ato em bairro da periferia.


Itapeva:

10/9 – Concentração: às 10h00, Praça de eventos.


Campinas:

7/9 – Concentração no Largo do Pará, centro, a partir das 9h00. Desceremos logo após ao desfile oficial pela Francisco Glicério até o Largo do Rosário. Igreja e Entidades sociais realizam 28° Grito Dos Excluídos.


Guarulhos:

3/9 – 1ª Aula pública, com o tema “Privatizações/Terceirização do setor público” - Profa. Maria Zélia de Brito - Fórum e Conselho da Saúde, às 10 horas, na praça Tereza Cristina. Seguida de falas das representações.

Às 11h00, 2ª aula Pública, tema “Carestia hoje” - Prof. Dr. Pe Frizzo - Escola de Fé e Política Dom Joaquim. Seguida de falas das representações. Encerramento, às 12h00.


Mogi das Cruzes:

7/9 - Concentração 8h30, na Catedral de Sant´Ana, com apresentação das pastorais sociais e movimentos populares. Missa às 09h, com o bispo D. Pedro Luís Stringhini, caminhada até o Largo do Rosário onde haverá manifestações populares das lideranças por Direitos, Liberdade dos Povos e Democracia.

Santo André/ABCDMRR

7/9 – Missa na Igreja Matriz de Santo André, às 8h30; Concentração em frente à Matriz, às 9h30; Caminhada, às 09h45, até a Praça do Carmo; Ato inter-religioso, às 11h00.


São José dos Campos:

7/9 – Terra, Teto, Trabalho e Democracia/Pão e Viver Bem, às 9h30, Habibs, em frente ao Banhado.


Piracicaba:

7/9 – Ato, às 8h00, na Praça José Bonifácio.


Assis:

7/9 – É o nosso primeiro Grito, resolvemos esse ano organizar o Grito dos Excluídos em formato de evento cultural. Temos o apoio da Igreja católica e de várias entidades.


Ribeirão Preto:

7/9 – Comunidade Santa Rita, Jardim Salgado Filho, às 9h00.


Taubaté:

7/9 – Tarde de formação, das 15 às 18h00, no salão da Catedral de São Francisco das Chagas, Praça Epaminondas, centro. Tema: Cartilha de Orientação Política 2022, produzida pela Regional Sul2.


Bauru:

7/9 – Praça do Líbano, às 9h00.


Marília:

7/9 – Retomada do Grito, à 9h00, na Praça Maria Izabel, ao lado da Catedral São Bento. Com um momento de oração, incentivo à vida por meio da valorização das pastorais sociais, reflexão do tema e encontro fraterno entre irmãos e irmãs, através de um ato ecumênico e inter-religioso. A ação contará com um café da manhã com os moradores de rua. Organizado pelas Comunidades Eclesiais de Base (CEBs), com o apoio da Pastoral com os Moradores de Rua e de diversos representantes de outras religiões e instituições cristãs da cidade. Por meio de uma parceria com a Universidade de Marília (Unimar), os alunos dos cursos de Psicologia e Enfermagem irão aferir a pressão arterial e farão uma entrevista socioeconômica com os irmãos e irmãs em situação de rua.


REGIÃO NORTE:

EGIÃO NORT

ACRE

Rio Branco:

7/9 - A concentração, às 07h00, em frente à Catedral Nossa Senhora de Nazaré, centro.

Iniciaremos o Grito na Catedral com cantos, poesias e gestos simbólicos, cada pastoral grupo e movimentos poderá fazer o seu grito com falas curtas. Depois sairemos em caminhada onde aguardaremos para entrar no desfile.



AMAPÁ

Macapá:

29/8 a 4/9 – Reflexão dos Eixos do 28º Grito, na Rádio São José FM 100,5, das 10 às 11h00 – http//www.radiowebsindsep.ap.com


7/9 – Caminhada/Concentração em frente à Igreja São José de Macapá, Mística de acolhimento com Paulo Alfaia, trajeto pela Cândido Mendes. Chegada: Parque do Forte, com Mística de encerramento e café da manhã.


Laranjal do Jari:

7/9 – Missa às 07h30, em seguida, Caminhada, saída da Igreja Perpétuo Socorro.



AMAZONAS

Manaus – Arquidiocese

1/9 - Coletiva Imprensa, às 9h, no Auditório Mãe Paula no CEFAM.


3/9 – Gritinho com crianças, às 16h00, trajeto: Rua Libertador / Rua Brasil.

3/9 – Grito Pastoral da Juventude, às 16h00, na Praça do Jorge Teixeira. Queremos saber quais são os gritos da juventude? Mais emprego? Mais educação? Moradia? Saúde?


5/9 – Concentração no Centro de Convivência Magdalena Arce Daou, no início da Av Brasil – Bairro Santo Antonio, a partir das 15 horas. Missa Amazônica, 15h30, presidida pelo Cardeal Dom Leonardo Ulrich Steiner. Às 16h30, caminhada até o Monumento da Ponte Rio Negro. Durante a caminhada faremos caracterização lúdicas com temas:Chacina do Rio Abacaxis, Exploração Sexual, Violência contra Mulheres, Cruzes simbolizando as mortes por covid19, Negligência do Oxigênio, Mapa da fome, Educação, Indígenas, CPI das Águas, Migração, Defesa do SUS.

Vamos ter três programas na Rádio Rio Mar falando do Grito.


Coari:

7/9 – Celebração eucarística, às 7h00, na Igreja Matriz de São Pedro, Bairro União. Às 08h00, Saída pelas ruas da cidade.



PARÁ

Belém:

18/8 a 7/9 - 21 DIAS DE ATIVISMO PELA DEMOCRACIA, período em que deveremos ocupar as ruas e redes sociais com as pautas de denúncia ao golpismo, defesa da Amazônia, dos povos, dos corpos e dos direitos, fora Bolsonaro, por eleições livres e pela garantia ao respeito do resultado das urnas.


7/9 - Concentração, às 8hs, em frente ao Colégio Nazaré, abertura com ato inter-religioso, conduzido por diversos representantes de reliosidades de matriz Indígena, africana, igrejas cristãs como a luterana, católica e evangélicas, bem como todas as que desejarem integrar-se. Haverá a intervenção de artistas vindos do Quilombo do Abacatal, com a banda Toró Açu, o grupo musical O Bendito Carimbó, assim como poetas e músicos que proponham-se participar. Após o ato inter-religioso terá início uma caminhada até o Mercado de São Brás, durante a qual ativistas, movimentos sociais, centrais sindicais, cidadãs e cidadãos, jovens, negras e negros, indígenas, lideranças e representantes de frações da sociedade poderão expressar ideias, denúncias, desejos de mudanças e todos os Gritos de Inclusão que estiverem presos na garganta. A manifestação é ainda em defesa da democracia, denunciando toda forma de violência política, exigindo o respeito ao processo eleitoral, às instituições democráticas, às urnas e ao resultado das eleições, contra toda forma de autoritarismo, golpismo e ataque às liberdades e direitos.


Prelazia do Alto Xingu-Tucumã:

Concurso de Redação nas escolas municipais sobre o tema " Vida em primeiro lugar" (em andamento).

7/9 - Caminhada pelo centro da cidade de Tucumã, às 07h30, saindo da praça da Catedral até à Praça Ronan Magalhães. Durante do percurso paradas, onde serão lidas as melhores redações dos alunos como "grito dos alunos". Encerramento na praça com pronunciamentos de várias entidades, premiação das melhores redações dos alunos, oração ecumênica e confraternização/partilha. Paroquia N.S. Aparecida da Prelazia do Alto Xingu-Tucumã com suas pastorais sociais em parceria com CPT Alto Xingu, outras igrejas e com as escolas municipais/secretaria municipal de educação (SEMED).

São Felix do Xingu:

4/9 – Celebrações de domingo, às 08h00 e às 19h30. CPT, Pastorais Sociais, universidade.


7/9 - Ato público com caminhada, concentração local previsto a praça CEU.


RONDÔNIA

Porto Velho:

3/7: OFICINA DE FAIXAS E CARTAZES, 16h

4º Sarau Cultural do Grito dos Excluídos e Excluídas, às 18h

Ambos na Praça conjunto Sto Antônio - R. Pe. Chiquinho, Bairro São João Bosco


5/9 – Roda de conversa na Rádio Caiari, às 15h00, com Karen Oliveira, coordenadora Norte da Rede Trans Brasil e Rede Nacional de Travestis, Transexuais e Homens Trans vivendo com HIV e AIDs. E com Breno Vinícius, coordenador do Coletivo LGBTI+, Membro da Comissão da Diversidade Sexual e de Gênero da OAB/RO.


6/9 – Celebração ecumênica do Grito, às 19h00, na Igreja Evangélica de Confissão Luterana no Brasil – IECLB São Francisco, Rua Francisco Barbosa de Souza, 8740.

7/9 – Grito contra todas as formas de opressão que apagam, deslegitimam e massacram o povo trabalhador, às 16h00, no Centro Político Administrativo (CPA), centro.


RORAIMA


Boa Vista:

7/9 – Concentração, às 15h00, na Igreja São Raimundo Nonato (Rua Sólon Rodrigues Pessoa, 1873 – Sem. Hélio Campos); Caminhada na periferia, à tarde; realização de oficinas de cartazes; Criação de um Rede Social específica para o Grito.


TOCANTINS


Araguaína:

7/9 – Ato na Praça Luís Orione, às 7h30. Serviremos um café da manhã às pessoas em situação de rua às 7 da manhã; Logo em seguida, teremos uma celebração ecumênica. Após esse momento teremos apresentações culturais e falas em favor da vida, da democracia, dos direitos dos povos da terra, das águas, das florestas, do campo e cidade.

Organizado a partir das entidades CPT, MST, Caritas Diocesana, CIMI, Movimento por moradia, PSOL, PT, PDT, Coletivo Enegrecer, CDHA e CNBB.


REGIÃO NORDESTE:

EGIÃO NORDESTE

ALAGOAS


Maceió:

7/9 - Concentração: 8h00 – Próximo à Igreja Virgem dos Pobres na lagoa; 9h00, celebração. Ofertas dos dons: As organizações do campo (MST, MLST, CPT, FNL… levar produtos da roça (cesta com produtos), ferramentas, sementes, água e etc

Percurso: das proximidades da Igreja Virgens dos Pobres ao Papódromo (em torno de 2 km). As falas dos movimentos populares e sindicais serão durante o percurso.

A caminhada será coordenada por Carlos Lima (CPT) e Débora Nunes (MST). Na chegada ao Papódromo: Celebração da partilha dos alimentos. Falas celebrativas das representações religiosas.


BAHIA


Salvador:

2/9 – VI Gritinho Mirim, na Escola Comunitária Nossa Senhora de Escada, às 13h30.


7/9 – Concentração, às 8h30, no Campo Grande.


7/9 - Fórum Nacional Marielles Grito dos Excluídos, Concentração, às 9h00, em frente ao TCA – Por mais Mulheres Negras nos Espaços de Poder.


Paulo Afonso:

1/9 - Pré-Grito, com juventude do Bairro Centenário.


Diocese Bonfim:

Jacobina:

6/9 – Concentração, às 9h00, no Centro de Abastecimento, Marcha por soberania alimentar – abastecimento popular em defesa da democracia!


Senhor do Bonfim:

07/09 - Roda de Conversa, das 9 às 12h00, com representações dos Movimentos Populares e Entidades Parceiras do município de Senhor do Bonfim e entorno, para refletir sobre a atual conjuntura política que estamos vivendo e a temática do 28º GRITO DOS EXCLUÍDOS E EXCLUÍDAS, que traz como Tema: A VIDA EM PRIMEIRO LUGAR e o Lema: BRASIL – 200 Anos de (IN)DEPENDÊNCIA. PARA QUEM? Local: Sindiferro – Senhor do Bonfim.


Campo Formoso:

7/9 – Grito, às 19h30, pelo meet, com a participação dos movimentos sociais.


Feira de Santana:


Riachão do Jacuípe:

1 a 6/9 – Semana da Cidadania, nas Comunidades de Tancredo Neves, Ranchinho, Cleriston Andrade, Barra, Alto da Cruz, Alto do Cemitério e Santa Mônica.


7/9 – Caminhada, concentração às 8h00, em frente à Igreja Matriz.


Jacobina:

6/9 – Concentração no Centro de Abastecimento, Bairro Estação, ao lado do Ginásio de Esporte - Marcha por Soberania Alimentar e Abastecimento Popular.


Vitória da Conquista:

7/9 – Concentração: ao lado do Gripário Municipal, Av. Régis Pacheco, às 9h00.


CEARÁ


Fortaleza:

2 a 4/9 - Comitê JSB Ceará/Pré Grito dos Excluídos e Excluídas realiza encontro no estado. A iniciativa pretende fortalecer e animar a mobilização dos movimentos e organizações parceiras a participar do Grito neste 7 de setembro.

4/9 – Roda de Conversa “O olhar da mulher sobre as eleições. Quais as suas consequências? , das 9 às 11h00, no Sítio da Pastoral Operária, Rua Itaqueras, 530, Jangurussu, Fortaleza.


Morada Nova:

7/9 - Concentração: Espaço Social Santa Terezinha, 06h00.


Iguatu:

10/9 – Concentração a partir das 7h00, na Praça dos Redentoristas, Igreja do Prado. Será servido caldo na chegada.


Parangaba:

7/9 - Ato político e cultural para darmos voz e vez à população em situação de exclusão. A concentração será ao lado do terminal do Lagoa, no bairro Parangaba, a partir das 09hs. Para esse momento, estamos solicitando que os participantes, num gesto concreto de partilha e de solidariedade, levem 1kg de alimento que será doado para famílias acompanhadas pelas pastorais sociais.


Viçosa do Ceará / Diocese de Tanguá:

4/9 - Círculo bíblico Grito dos Excluídos 2022.


Tianguá:

7/9 – Às 20 horas, evento online.


Região Forania II – Diocese de Crato:

1° a 7/9 - Semana da cidadania


Crato:

7/9 – Concentração na Praça São Vicente, no Santuário Eucarístico, às 8h00; Celebração pela manhã.


Caririaçu:

3/9 – Encontro com o tema Encantar a Política, das 8 às 10h00, Paróquia São Pedro.


Juazeiro do Norte:

1/9 - Encontro com o tema Encantar a Política, das 19h30 às 21h00, Paróquia N. S. de Lourdes (São Miguel)

2/9 - Encontro com o tema Encantar a Política, das 19 às 21h00, Paróquia São Cristóvão


3/9 - Encontro com o tema Encantar a Política, das 16 às 18h00, Paróquia São Francisco e pela manhã, na Paróquia São Pedro Caririaçu


4/9 – Caminhada, às 7h00, saindo da Praça Engenheiro Dória (Praça da Estação) em direção à Praça do Alto da Alegria.


5/9 - Encontro com o tema Encantar a Política, das 19 às 21h00, Paróquia Menino Jesus de Praga


6/9 - Encontro com o tema Encantar a Política, das 19 às 21h00, Paróquia São José do Limoeiro


7/9 – Celebração do Grito, às 16h00, celebração ecumênica na Praça Monsenhor Joveniano Barreto, em frente à Igreja dos Franciscanos.


Barbalha:

1/9 – Encontro com o tema Encantar a Política, Setor 5, às 19h00, Nossa Senhora de Lourdes – Cabeceiras

1/9 - Encontro com o tema Encantar a Política, às 19h00, Lagoa e Estrela, Paróquia São Vicente de Paulo,


2/9 - Encontro com o tema Encantar a Política, às 19h00, Setor 1, Bom Jesus – Caldas

2/9 - Encontro com o tema Encantar a Política, às 19h00, em Alto da Alegria


4/9 – Grito, pela manhã.


MARANHÃO


São Luís:

4/9 – Missa na Catedral da Sé, às 10 horas, na catedral, presidida por dom Gilberto Pastana. Será transmitida pelo facebook e instagran da Arquidiocese de São Luís.


Bacabal:

1 a 7/9 – Rodas de Conversa nas comunidades sobre o lema do Grito.


7/9 – Celebração diocesana do Grito, às 8h00, na Igreja São Raimundo Nonato, Bairro Santos Dumont.


Brejo:

5/9 – Seminário online sobre tema e lema do 28º Grito, no Baixo Parnaíba, às 19h00, transmissão pelo Youtube da Diocese de Brejo. Organização Fórum em Defesa da Vida do Baixo Parnaíba Maranhense.


7/9 – Missa do Grito, às 07h00, presidida por Dom José Valdeci, na Catedral Diocesana de Nossa Senhora da Conceição, que será transmitida ao vivo pelas redes sociais.

Youtube: https://youtu.be/Sl1sfWMeIW0

Facebook: https://fb.me/e/4HYRHqggL

Às 8h30, Caminhada da Igreja Catedral ao Seminário Diocesano e às 9h00, Café da manhã.


Timon:

7/9 – Diocese Duque de Caxias, às 6h30.


Caxias:

1/9 – Roda de Conversa online


7/9 – Caminhada, início às 17 horas, reunindo as paróquias das 5 cidades que integram a Diocese de Caxias. Encerramento com missa, na Paróquia com a festa de N. S. de Nazaré.


São Raimundo das Mangabeiras:

3/9 – Roda de Conversa nas Comunidades.



PARAÍBA


João Pessoa:

10/9 – Grito + 10S, às 9h00, junto com Movimentos de Moradia e Ocupação, MST, Movimento acadêmico, estudantes secundaristas, em defesa da Democracia e por eleições livres. Por moradia, terra, trabalho e soberania.


Campina Grande:

7/9 – Praça Clementino Procópio, iniciando com celebração ecumênica.



PERNAMBUCO


Recife:

2/9 – Vigília Inter-Religiosa pela Democracia, às 18h30, Rua Gervásio Pires, 404/Santo Amaro, na sede do MTC – Movimento de Trabalhadores Cristãos.


3/9 – A Revista Semanal sobre Nós Mulheres, às 10h00, debate Vigília inter-religiosa e Grito dos Excluídos e Excluídas; Mulher, Eleições e Democracia; Ancestralidade, cultura e Resistência.


5/9 – Coletiva de Imprensa, às 08h00, na sede do MTC - Movimento de Trabalhadores Cristãos.


7/9 – Concentração, às 08h00, no Parque Treze de Maio, em frente ao prédio central da Faculdade de Direito do Recife; Mística inter-religiosa e falas de representantes dos movimentos sociais; Homenagem ao Padre Reginaldo Veloso; Animação musical e teatral: Vozes da Resistência, Turma do Flau, Resisteatro, Batucadas: Sintepe, Marcha Mundial das Mulheres e Levante da Juventude. Caminhada até Praça da Independência (Pracinha do Diário). Encerramento com Ciranda da DEMOCRACIA. TRANSMISSÃO AO VIVO pelo Canal TV MTC no YouTube.

https://youtu.be/nfZ8tEwGwuE



PIAUÍ


Teresina:

7/9 – Concentração, às 8h00, em frente à Assembleia Legislativa. Participação de Pastorais Sociais, Movimentos Sociais e sindicais.


Diocese de Picos:

6/9 - Concentração: Igrejinha Sagrado Coração de Jesus, às 06h00. Missa, às 07h00, marcha às 08h00 pela Av. Getúlio Vargas para a Praça Felix Pacheco. Onde haverá os gritos dos movimentos sociais urbanos e rurais, laicato brasileiro, Conferência Religiosas e Religiosas do Brasil, Pastoral da Juventude e Comissão Para as Pastorais Sociais.


Diocese de Parnaíba:

1 a 7/9 ou de 7 a 11/9 - IV Semana Social da Diocese de Parnaíba, promovida pelas Pastorais Sociais e Caritas Diocesana de Parnaíba com o tema: Brasil 200 anos Independência para quem?


7/9 - Divulgação no carro de som em toda a cidade sobre a temática do Grito dos Excluídos e Semana Social. Missa de abertura, às 18h30, no festejo da Padroeira Mãe da Divina Graça, em que Dom Juarez fará o anúncio dos grupos de Pastorais Sociais presentes.


8/9 - Caminhada Peregrina na Procissão Mãe da Divina Graça.


9/9 – Live, às 19, com o tema do Grito dos Excluídos: Brasil 200 anos (In)dependência. Para quem? e Caderno Encantar a Política.


10/9 – Ciranda da Vida: VIDA EM PRIMEIRO LUGAR, às 19:00h, no Canteiro em frente à Igreja Matriz de São Sebastião, Momento cultural, com grupos de danças e cantores de grupos locais.


11/9 - "Espiritualidade Agentes de Pastorais” com todas as Pastorais Sociais e movimentos da Igreja, no Colégio Diocesano, das 08h00 às 12h00.


Pedro II:


RIO GRANDE DO NORTE


Natal:

7/9 – Às 9h00, na Praça das Flores, Avenida Hermes da Fonseca – Petrópolis.


Mossoró:

7/9 – Concentração às 06h30, na Lateral do Ginásio Pedro Ciarlini.


Luis Gomes:

7/9 – Concentração, às 15h30, em frente ao Conjunto Guilhermão, acolhida às caravanas vindas de todas comunidades da Paróquia. Às 16h00, caminhada com quatro paradas Por políticas Públicas; Meio Ambiente; Violência e Desemprego. A última parada será em frente à CAERN, concluindo com a Missa.



SERGIPE


Aracaju:

3/9 - Panfletagem nas ruas motivando a participação das comunidades vizinhas.


5/9 - Coletiva de imprensa, às 7h.


7/9 - Celebração litúrgica e caminhada com concentração, às 8h, na Polícia Rodoviária Federal (lembrando do caso Genivaldo), e terminando na praça em frente à Paróquia São Francisco de Assis, bairro Santos Dumont. Faremos arrecadação de alimentos e roupas para doação as famílias mais carentes da comunidade.


Estância:

7/9 – Gritinho, com a participação de crianças que confeccionaram cartazes, em Salgado. Eles vão se unir e fazer um único Grito, vão sair dois ônibus até Estância.


REGIÃO CENTRO-OESTE:

REGIÃO CENTRO-OEST

GOIÁS

Goiânia:

7/9 – Concentração, às 9h, na Praça José Bonifácio, no bairro Independência Mansões (Aparecida de Goiânia), com participação de diversas organizações populares e sindicais, movimentos sociais, pastorais, entidades de defesa de direitos humanos e lideranças de ocupações urbanas, sob coordenação do Fórum Goiano em Defesa dos Direitos, Democracia e Soberania. De lá, caminharemos até a ocupação Beira da Mata, onde realizaremos um ato político de escuta da comunidade e leitura do manifesto “Brasil: 200 anos de (In)dependência. Para quem?”.

MATO GROSSO

3/9 – Sarau Virtual VIDA EM PRIMEIRO LUGAR! 28º Grito dos Excluídos e Excluídas – Mato Grosso. Os artistas e as artistas da caminhada vão trazer os nossos gritos para este Sarau com a poesia, a música, a arte e o coração.

Acesse e compartilhe nas suas redes sociais:



Youtube das CEBs:


Cuiabá:

1/9 – Chá com Pão, na Praça Ipiranga, às 6h00.


3/9 – Roda de Conversa, às 9h00, Ampliada das CEBs, Comunidade N. S. Fátima, Jardim Vitória.


3/9 – Sarau do Grito, via online, às 17h00.


5/9 – Exibição do filme PUREZA, no auditório Batatão/UFMT, às 19h00.


7/9 – Praça do Rosário e caminhada até à Praça Ipiranga, às 7h30


9/9 – Roda de Conversa, Paróquia Sagrada Família, Bairro Carumbé, às 19h00.


Rondonópolis:

6/9 – Live, às 19h00, com o tema Vida em Primeiro Lugar, com professores: Adilson José Francisco (UFR) e Ricardo Kinklerfos, do IFMT, sobre os 200 anos de (in)dependência para quem? Transmissão pelo Facebook do professor Ricardo Kinklerfos.


7/9 – Sindicato dos Bancários, Rua 13 de Maio, 1123, centro, às 8h00.


Cáceres:

3/9 – Roda de Conversa com as comunidades Linhão das Brancas, Gleba Melado, Linhão de N. Sra Aparecida e Linhão de São João Batista – Comitê Popular das Águas Nascentes da Paiol, Fé e Política.


Primavera do Leste:

7/9 – Roda de conversa, às 6h00, na Igreja Matriz Nossa Senhora da Saúde.


MATO GROSSO DO SUL

Corumbá:

7/9 – Na Paróquia Nossa Senhora de Fátima, Rua Vinte e Um de Setembro, 2405, às 8h00.


Dourados:

7/9 – Concentração, às 07h00, Rua Melvin Jones, com a Avenida Marcelino Pires.



EM NÍVEL NACIONAL

3/9 - Em preparação ao 28º Grito dos/as Excluídos/as, o MST e a Frente Contra a Fome e Sede realizarão uma série de ações de solidariedade em todo o país, com o objetivo de denunciar o aumento da fome e levar alimentação saudável às famílias em situação de pobreza. Além disso, as ações apontarão para necessidade de defesa e construção de um projeto popular para o país, a favor da agroecologia e produção de alimentos saudáveis em comunhão com a natureza.

5/9 – CEBI – Centro de Estudos Bíblicos, às 20 horas, Esquenta para o Grito, com Pastora Rute Noemi e Frei Gilvander, pelo Youtube do CEBI.

6/9 – Rede Cáritas “Nosso povo, nossa luta! / animação e mobilização para o Grito 2022”, às 10 horas (horário de Brasília), pelas páginas do facebook e Youtube da Cáritas Brasileira (@caritasbrasileira).

615 visualizações1 comentário

Posts recentes

Ver tudo

1 komentarz


Que trabalheira!

Uma lista imensa de locais de "concentração" para um engajamento pífio de algumas centenas de pessoas...

Se tiram a verba de "apoio" desse Grito, nem a tabelinha dos locais teria saído.

Valei-nos Nossa Senhora.

Um grito ecoando no vácuo...

Polub
bottom of page