top of page

Curitiba se mobiliza para o 29º Grito dos Excluídos e Excluídas





Articuladores e articuladoras do Grito de Curitiba/PR estão em plena preparação para o 29º Grito, com uma série de atividades e estratégias sendo traçadas pelo coletivo de construção do evento. As reuniões acontecem todas as segundas-feiras e já foram definidos importantes pontos para a mobilização.


Para garantir o sucesso do Grito, foram estabelecidos quatro pilares fundamentais: o local do evento, a equipe envolvida, os materiais necessários e a participação no encontro de Articuladores/as em nível nacional, agendado para o dia 05 de agosto.


O coletivo tem dedicado especial atenção à definição do local, buscando um espaço que proporcione visibilidade e acolhimento para todas as vozes excluídas e excluídas que irão se manifestar. Além disso, uma equipe diversificada e engajada, composta por Leandro, Flavia, Silvia, Nilson, Tania e Marcos, está trabalhando incansavelmente na organização do evento.


Outro ponto de destaque é a preparação dos materiais, que serão essenciais para disseminar a mensagem do Grito e fortalecer a mobilização social.

As pautas dos pré-Gritos também estão sendo definidas, contemplando temas como LGBTQIA+, Comunidades, Terra, Mulheres e Servidores Municipais, entre outros. A diversidade e a pluralidade de lutas reforçam a importância do Grito na busca por uma sociedade mais justa e inclusiva.


Dia D de agosto


No dia D do Grito, marcado para 07 de agosto de 2023, uma vigília histórica marcará a contagem regressiva para o Grito, relembrando as vozes que ecoaram ao longo dos anos. Além disso, um seminário será realizado, promovendo debates e mobilizações para o grande ato que acontecerá em 07 de setembro de 2023.


A preparação em Curitiba está em pleno vigor e o Grito dos Excluídos e Excluídas promete ser uma manifestação forte e impactante em prol da justiça social e dos direitos humanos.

136 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Kommentare


bottom of page